Ciclo de conferências sobre “Revolução e Contra-Revolução”

O período que atravessamos, caracterizado pelas imposições provocadas pela gestão do COVID-19 e a apostasia generalizada no seio da Santa Igreja, exige dos Católicos uma resposta contra-revolucionária célere e consistente. A pensar nisso, a editora Caminhos Romanos, no ano passado, publicou, pela primeira vez em Portugal, a obra Revolução e Contra-Revolução, da autoria de Plinio Corrêa de Oliveira.

Um dos objectivos do portal Dies Ir
æ, como inscrito na apresentação, é a divulgação dos «preciosos contributos que o Prof. Plinio Corrêa de Oliveira, pensador e líder Católico brasileiro, deu para a defesa da Civilização Cristã». A pensar nisso, o portal promoverá, nos domingos 2, 9, 16 e 23 de Maio, pelas 15h30 de Lisboa, um ciclo de conferências sobre o autor e a obra acima mencionada. As conferências serão transmitidas no canal do YouTube do portal, estão isentas de qualquer inscrição e os links de acesso a cada uma das conferências será publicado, no portal, com uma antecedência de dois dias.   

No dia 2 de Maio, o primeiro conferencista será o Prof. Doutor Armando dos Santos, docente universitário e antigo secretário de Plinio Corrêa de Oliveira, que falará sobre a obra e o seu autor; a 9 de Maio, o Dr. António Carlos de Azeredo, do Instituto Português de Estudos Contemporâneos, tratará concretamente da primeira parte do livro, dedicada ao estudo da Revolução; uma semana depois, a 16 de Maio, Julio Loredo, Presidente da Associação Tradizione, Famiglia e Proprietà, dedicar-se-á à segunda parte do livro, respeitante à Contra-Revolução; a concluir, no dia 23 de Maio, José Carlos Sepúlveda da Fonseca, também ele discípulo do Prof. Plinio Corrêa de Oliveira, abordará o tema do Comunismo e as perspectivas para Revolução e Contra-Revolução.    

Queremos, assim, convidar os nossos leitores a tomarem parte neste importante ciclo de conferências!
A poucos dias de celebrarmos a festa de Nossa Senhora do Bom Conselho, a todos asseguramos as nossas orações a tão Boa Mãe.

Publicar um comentário

0 Comentários