Arcebispo de Portland agradece ao Papa pelo esclarecimento sobre as uniões homossexuais

“Gostaria de expressar a minha gratidão ao Santo Padre pela recente declaração da Congregação para a Doutrina da Fé”, disse o Arcebispo Sample na terça-feira passada.          

“Todas as pessoas são criadas à imagem e semelhança de Deus, têm uma dignidade humana inerente e são dignas do nosso amor e cuidado pastoral. Ao mesmo tempo, existem certas acções e relações (neste caso, as uniões do mesmo sexo) que não podem ser abençoadas pela Igreja”.

O Prelado advertiu que a declaração da CDF, de 15 de Março, de que a Igreja não tem o poder de abençoar as uniões do mesmo sexo, “é simplesmente uma reafirmação do ensinamento constante da Igreja”.       

Isto, explicou o Arcebispo Sample, “não é uma questão de discriminação, mas de honrar a verdade da pessoa humana e a dignidade do matrimónio em si mesmo”.       

“Apercebo-me que esta é uma verdade impopular, como evidenciado pela resposta de muitos a esta declaração, que foi aprovada pelo Papa Francisco”.           

No entanto, disse o Arcebispo Sample, um esclarecimento como o oferecido pela CDF “é importante hoje em dia, quando há tanta confusão sobre o que é para o nosso verdadeiro bem e sobre como aproximar-se de Cristo”.          

O Arcebispo reiterou a sua gratidão “pelo claro ensinamento da Igreja sobre este assunto” e rezou “para que este seja um momento único de graça para a vida da Igreja”: “Aproximando-nos da Semana Santa e da Páscoa, rezo para que todos nós, irmãos e irmãs em Cristo, sejamos renovados por um encontro vivificante e transformador com o Salvador crucificado e ressuscitado”.           

Através de InfoCatólica.com

Enviar um comentário

0 Comentários