Na Bélgica, uma igreja converter-se-á num supermercado

A Igreja de Santa Ana, em Gante, construída, entre 1853 e 1862, na zona Sul da cidade e actualmente à venda, vai ser convertida num supermercado. A igreja, que é propriedade da cidade, está quase em desuso para o culto depois de ter sido a igreja paroquial dos bairros do Sul da cidade.  

Em 2018, a rede de supermercados Delhaize ganhou o concurso, lançado pela Câmara Municipal, para, num prazo de cinco anos, abrir, no edifício da igreja, um supermercado, que terá o formato de um mercado coberto, com uma adega no que era a zona do presbitério, um restaurante no coro e bancas e uma cafetaria em ambos os lados do edifício. Aproveitar-se-ão, assim, algumas das inovações incorporadas ao templo na época da sua construção e que eram utilizadas, então, em edifícios industriais, como a sua estrutura metálica.

O vereador liberal Christophe Peeters explicou a aprovação do projecto por parte do município afirmando que “era o único dos cinco projectos que tinha em conta que a forma monumental desta igreja está protegida. A conservação do património exige que o volume seja conservado e que não se utilizem plantas ou pisos. O júri, que incluía também o arquitecto do município, elegeu, por unanimidade, esta proposta como a melhor das cinco”.

A hierarquia católica belga não se opôs ao projecto e parece ter-se resignado à crescente transformação das igrejas belgas em edifícios civis e lojas.       

Através de Riposte Catholique

Enviar um comentário

0 Comentários