quinta-feira, 27 de agosto de 2020

Vigiemos!



Estai atentos às minhas palavras e prestai atenção aos meus humildes discursos; a todos vós brado, a todos vós exorto: «Elevai-vos a Deus, desfazei-vos do apego às vossas paixões!». Eis o que vos diz o profeta: «Vinde, subamos à montanha do Senhor e à casa do Deus de Jacob» (Is 2, 3), a casa da impassibilidade, e contemplemos com os olhos do intelecto a alegria que nos está reservada pelas promessas celestes.          

Meus filhos bem-amados, congregai o vosso ardor, tomai asas de fogo como as pombas, conforme está escrito, levantai voo (cf Sl 54, 7) e passai para as fileiras da direita (cf Mt 25, 33), que são as da virtude. Acolhei a alegria, o desejo espiritual e apaixonado de Deus. Experimentai a enorme doçura do seu amor (cf Ap 10, 9-10) e, considerando todas as coisas secundárias por Ele, pisai a vã glória, o desejo da carne e a cólera feroz!     

Preparemos as túnicas, estejamos alerta, tenhamos o olhar penetrante e o voo rápido para a viagem que nos leva da Terra ao Céu! É certo que os viajantes podem ter de sofrer, e isso também nos acontece a nós: vedes, com efeito, que sofreis em duros trabalhos, que vos cansais, que trabalhais a terra até perder o alento, que derramais o vosso suor, que estais prestes a perder as forças, famintos, sedentos, que um se esforça a lavrar, o outro a trabalhar a vinha, um terceiro a fazer o azeite, ou a cozinhar, a construir, a fazer o pão e a tratar do celeiro, cada um no seu lugar. Todos avançam pelo caminho de Deus, aproximando-se da grande cidade, e, pela morte, todos terão acesso à inefável alegria dos bens que Deus reserva àqueles que O tiverem amado.

Possamos nós ser julgados dignos do Reino de Cristo, nosso Deus, ao qual pertencem a glória e o poder, com o Pai e o Espírito Santo, agora e pelos séculos dos séculos, ámen.

São Teodoro Estudita, in Catequese 16

Sem comentários:

Publicar um comentário

«Tudo me é permitido, mas nem tudo é conveniente» (cf. 1Cor 6, 12).
Para esclarecimentos e comentários, queira contactar: info@diesirae.pt