sábado, 8 de agosto de 2020

Membros da TFP polaca defendem estátua de Nosso Senhor Jesus Cristo



Ontem, sexta-feira, 7 de Agosto, uma manifestação LGBT percorreu a Avenida Krakowskie Przedmieście, no centro de Varsóvia, na Polónia. Enquanto gritavam slogans contra a Igreja e a religião, os militantes LGBT profanaram diversas estátuas ao longo do percurso. Chegados à frente da Igreja da Santíssima Trindade, em frente à sede local da TFP polaca, a horda LGBT tentou atacar uma estátua de Nosso Senhor Jesus Cristo que está localizada no adro da igreja.           

Os membros da TFP correram para defendê-la. A eles juntaram-se, imediatamente, alguns transeuntes. O resultado foi uma disputa acirrada, que só se resolveu quando a polícia chegou em força, cercando a estátua e, portanto, impedindo os militantes LGBT de lhe tocar. Naquela noite, os membros da TFP rezaram um Santo Rosário em reparação pelo acto sacrílego, felizmente neutralizado à nascença.  

Sem comentários:

Publicar um comentário

«Tudo me é permitido, mas nem tudo é conveniente» (cf. 1Cor 6, 12).
Para esclarecimentos e comentários, queira contactar: info@diesirae.pt