terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Papa escolhe Cardeais liberais para conferências em encontro no Vaticano



O Cardeal Blase Cupich, de Chicago, o Cardeal Reinhard Marx, da Alemanha, e o Cardeal Antonio Tagle, das Filipinas, serão oradores no próximo encontro do Vaticano, sobre os abusos sexuais cometidos por membros do Clero, intitulado “A protecção dos menores na Igreja”, que terá início no final desta semana.    

O Cardeal Cupich, um dos principais organizadores do encontro e líder da delegação dos Estados Unidos, emergiu como um defensor imediato do encontro do Vaticano quando, ao último minuto, a Santa Sé proibiu a Conferência dos Bispos Católicos dos Estados Unidos de levar por diante a sua agenda para abordar os abusos sexuais por membros do Clero na reunião de Novembro passado.                     

A nomeação do Arcebispo de Chicago para um alto cargo no encontro causou surpresa desde o início, particularmente depois de ter descartado o testemunho do arcebispo Viganò sobre o encobrimento de McCarrick como um mero “buraco do coelho” que distrai a Igreja. Como evidenciado na conferência de imprensa de hoje, o Cardeal Cupich continua a acreditar que a homossexualidade não é um factor que contribui significativamente para o abuso de menores, apesar das estatísticas mostrarem o contrário.   

[Tradução de Dies Iræ. Fonte: LifeSite]

1 comentário:

  1. "Anormalidade é algo que foge do padrão, que se diferencia, desvia-se ou é oposto da normalidade. É um estado ou algo bizarro, estranho" É esse o estado - anormalidade - que querem fazer eclodir na Igreja!Repito:estado porque "as portas do inferno não prevalecerão contra Ela".

    ResponderEliminar

«Tudo me é permitido, mas nem tudo é conveniente» (cf. 1Cor 6, 12).
Para esclarecimentos e comentários, queira contactar: info@diesirae.pt