A Santa Missa é um sacrifício, não uma festa!



O sagrado não é somente o rito: é a presença no rito da realidade que ele significa. Quando se mitiga o rito, perde-se o sentido da substância que ele contém. Não é de se admirar, portanto, que, para alguns, a Eucaristia se torne apenas uma simples festa da fraternidade humana, na qual Deus se torna apenas um espectador. Aqui já não estamos na heresia, mas na completa apostasia.   

Cardeal Giuseppe Siri, in Revista Renovatio

Enviar um comentário

0 Comentários