domingo, 9 de dezembro de 2018

Devemos pronunciar, com o celebrante, as palavras da consagração?



O que é que os modernistas dizem?       
O fiel quando assiste à Santa Missa, e pronuncia com o celebrante as palavras da consagração, coopera para a transubstanciação e o sacrifício.       

Como é, na verdade?  
O fiel é incapaz de concelebrar com o Sacerdote, cooperando para a transubstanciação, porque lhe falta o Sacramento da Ordem, que comunica tal capacidade.                    

Explanação
Só o Sacramento da Ordem confere o poder e a capacidade para operar a transubstanciação no Sacrifício da Nova Lei. O simples fiel é pois incapaz de o fazer. A proposição impugnada renova a heresia dos protestantes, condenada no Concílio de Trento (ses. 23, cap. 4), e novamente proscrita na “Mediator Dei” de S. Santidade Pio XII (A.A.S. 39, p. 556).    

D. António de Castro Mayer, in Carta Pastoral sobre Problemas do Apostolado Moderno

Sem comentários:

Publicar um comentário

«Tudo me é permitido, mas nem tudo é conveniente» (cf. 1Cor 6, 12).
Para esclarecimentos e comentários, queira contactar: info@diesirae.pt